1/3

15 atletas de badminton se recusam a participar do torneio da Dinamarca


TÓQUIO - Quinze jogadores de badminton japoneses, incluindo o número 1 do mundo masculino Kento Momota, desistiram do Aberto da Dinamarca deste mês, disse a Associação Nipônica de Badminton na sexta-feira.


Uma fonte da associação disse que as equipes dos jogadores solicitaram a retirada do evento que deve ocorrer em 13 de outubro devido às preocupações com o aumento de novas infecções por coronavírus na Europa.


O torneio será o primeiro da turnê mundial desde que o All-England Open de março foi cancelado. O Aberto da Dinamarca seria o retorno competitivo de Momota, depois que o jovem de 26 anos fraturou a órbita do olho direito em um acidente fatal de carro em 13 de janeiro, na manhã seguinte à vitória no campeonato Malaysia Masters.


Sem mais torneios internacionais este ano, espera-se que o primeiro torneio de Momota seja o campeonato nacional do Japão em dezembro.


Nozomi Okuhara, 4º mundial no ranking de simples femininos, e Kenta Nishimoto, 16º no ranking masculino, estão entre as oito jogadoras japonesas que devem competir na Dinamarca.


Três pares de duplas femininas também devem competir: o par número 2 mundial de Yuki Fukushima e Sayaka Hirota, a dupla de Mayu Matsumoto e Wakana Nagahara em terceiro lugar, e Nami Matsuyama e Chiharu Shida em 12º lugar.