1/3

A folia do Halloween no Japão fica online devido à pandemia


TÓQUIO - As celebrações do Halloween no distrito de Shibuya, em Tóquio, e em outras partes do Japão foram sufocadas na noite de sábado com multidões menores do que nos anos anteriores, quando as autoridades locais pediram que as pessoas ficassem em casa e assistissem a eventos online para evitar a disseminação de infecções.


Os espectadores assistiram ao festival de cosplay de Halloween em Ikebukuro, Tóquio, ao vivo através do serviço de videocomunicações Zoom. No famoso cruzamento próximo à estação JR Shibuya, policiais especiais, apelidados de "DJ police", foram mobilizados para encorajar as pessoas a irem embora, enquanto alguns foliões exibiam seus trajes, incluindo personagens do popular anime "Kimetsu no Yaiba".


Uma característica do festival Ikebukuro, o sétimo deste tipo neste ano, envolve cosplayers populares fazendo apresentações via Zoom, com suas imagens projetadas em uma tela grande em um prédio próximo à estação JR Ikebukuro.


A cidade de Kawasaki, perto de Tóquio, que viu cerca de 120.000 pessoas comparecerem ao desfile de Halloween no ano passado, transmitiu seu concurso de fantasias no YouTube e outras mídias sociais, depois de pedir às pessoas que enviassem vídeos de 30 segundos de suas fantasias.


Em Osaka, pessoas vestindo fantasias de fantasmas e personagens de anime se reuniram no distrito comercial de Dotombori, na cidade do oeste do Japão. A maioria, entretanto, também usava máscaras de tipo médico como precaução contra o coronavírus.


Para aqueles que ficaram em casa sem fazer nada, a Rádio Mirai deu a oportunidade de passar a noite de Halloween com música. A Masha, diretamente de sua casa, fez um concerto ao vivo em homenagem a Lua Azul com músicas românticas, logo em seguida, as transmissões correspondentes ao dia foram encerradas com chuva.