1650382760548_edited.png

JORNALISMO SIMPLES E DIRETO | O dia a dia do Japão

Radio Mirai (Branco).png
1650382760548.png

1/3

Aumento em conta de luz entra em vigor na região de Tóquio


JAPÃO - O aviso sobre aumento nas contas de energia pelo governo japonês entrou em vigor nesta segunda após a paralisação de algumas usinas nucleares em virtude do terremoto na semana passada.


Autoridades governistas pediram as pessoas residentes na região de Tóquio que economizassem eletricidade por um tempo.


O alerta do Ministério da Economia, Comércio e Indústria veio depois que a TEPCO disse no início do dia que uma falta de energia é possível na terça-feira devido ao clima frio e à suspensão de algumas usinas termelétricas do terremoto na quarta-feira passada.


Segundo a empresa, o fornecimento de suas usinas solares provavelmente será limitado devido ao clima, embora a demanda por aquecimento provavelmente aumente. Ele espera que a taxa de consumo de energia fique em 97% entre 6h e 7h de terça-feira.


O ministério indicou que poderia ser a mais grave escassez de eletricidade desde 2011, quando a TEPCO realizou uma interrupção de energia planejada em meio à crise de eletricidade após um poderoso terremoto e tsunami e o colapso nuclear em sua usina nuclear de Fukushima Daiichi em março daquele ano.


A TEPCO, que fornece energia para Tóquio e outras oito prefeituras, incluindo as vizinhas Kanagawa, Chiba e Saitama, disse que espera receber até 2,37 milhões de quilowatts de eletricidade de outras empresas de serviços públicos.


Também está pedindo às famílias e empresas que desliguem as luzes desnecessárias e ajustem o aquecimento a 20ºC para economizar eletricidade.


O ministério disse que a economia de energia provavelmente será necessária entre 8h e 23h de terça-feira para as áreas cobertas pela empresa.