1/3

Bombeiro é preso por uso de estimulantes em Niimi


OKAYAMA - Um bombeiro de 23 anos que atuava em sua área de trabalho em Niimi, foi preso pela polícia por uso de estimulantes. Em depoimento, o homem nega as acusações.


Hayashi Yamamoto, de 23 anos, segundo a polícia, foi preso por violar a Lei de Controle de Estimulantes em Okayama em meados de maio. Hayashi foi apontado como suspeito após um exame de urina comprovar a detecção das substâncias.


Em resposta à investigação, Yamamoto negou as acusações afirmando que "nunca na vida usou estimulantes".


O Governo Municipal de Niimi deu entrevista coletiva na manhã desta terça, pedindo desculpas pelo transtorno e preocupação aos cidadãos, e anunciou que o bombeiro sofrerá punições severas.