1/3

COI fará vistoria em Sapporo, candidata a sede dos Jogos de Inverno de 2030


SUÍÇA - O Comitê Olímpico Internacional realizará inspeções no final deste mês de locais que os organizadores olímpicos de Sapporo pretendem usar se a cidade for selecionada para sediar os Jogos de Inverno de 2030.


Os membros do COI visitarão os locais para verificar suas condições e tamanhos atuais de funcionamento, a fim de que a Comissão de Hospedagem futura, encarregada de identificar cidades-sede, compile os materiais e documentos de que precisa.


A inspeção é feita em particular e leva alguns dias e os representantes do Comitê Olímpico japonês acompanharão os inspetores.


De acordo com o COI, não se espera que ocorram discussões durante as inspeções, e os membros da Comissão anfitriã do Futuro não participarão da viagem para coletar informações sobre o progresso do planejamento e do desenvolvimento do local.


O COI já realizou sua inspeção do licitante rival Salt Lake City, Utah, considerada como forte candidata a sediar os jogos apesar dos EUA estarem garantidos com os jogos de verão dois anos antes, em 2028.


De acordo com o esboço do edital de Sapporo, as competições ocorreriam em 13 locais diferentes, excluindo o Sapporo Dome, que sediaria as cerimônias de abertura e encerramento.


O plano atual de licitação tem patinação de velocidade sendo realizada em Obihiro, Hokkaido, e esqui alpino no resort de Niseko. Eventos de trenó e trenó seriam realizados em Nagano, sede dos Jogos de 1998. O COI não inspecionará os locais de Nagano nesta viagem.


Além do anfitrião Sapporo de 1972 e de 2002, recebem Salt Lake City, Vancouver, sede em 2010, e as regiões espanholas da Catalunha e Aragão também demonstraram interesse em realizar os Jogos Olímpicos de 2030.