top of page
1665608300863 (1).png
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube

Construção civil no Japão enfrenta desafios de mão de obra e novas regras trabalhistas

A construção civil no Japão enfrenta desafios significativos devido à escassez de mão de obra e novas regulamentações trabalhistas. O número de trabalhadores no setor caiu para 4,83 milhões em 2023, comparado a 6,85 milhões em 1997, e a introdução de novas regras de horas extras em abril aumentou as dificuldades.


O governo japonês está pressionando as empresas a melhorar as condições de trabalho, propondo aumentos salariais e uma semana de trabalho de cinco dias. A escassez de trabalhadores está causando atrasos em projetos importantes, como a extensão da linha de trem Hokkaido Shinkansen.


Medidas incluem um limite de 720 horas anuais de horas extras e campanhas para promover folgas aos sábados e domingos. O primeiro-ministro Fumio Kishida enfatizou a necessidade de transformar o setor para atrair e reter trabalhadores qualificados.

Posts recentes

Ver tudo

Comments


© TSJ 2024. Todos os direitos reservados

bottom of page