top of page
1665608300863 (1).png
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube

Coreia do Norte lança mísseis de cruzeiro em exercício nuclear de demonstração

COREIA DO NORTE - A mídia estatal norte-coreana informou que dois mísseis de cruzeiro de longo alcance foram lançados como parte de um exercício tático de ataque nuclear em resposta aos recentes exercícios conjuntos dos EUA e da Coreia do Sul.


Equipados com ogivas nucleares simuladas, os mísseis voaram por mais de duas horas em padrões de figura oito sobre o Mar Amarelo, na costa oeste da Península Coreana, percorrendo uma distância total de cerca de 1.500 quilômetros.


As ogivas eventualmente detonaram a uma altitude de 150 metros acima de uma ilha-alvo, com a missão de ataque nuclear realizada para demonstrar a "vontade e capacidade de dissuadir as tentativas inimigas de uma guerra de agressão", disse a agência de notícias.


Pyongyang também criticou os países democráticos por conduzirem um exercício conjunto de lançamento de mísseis guiados e bombardeio aéreo de dois dias, após o término do exercício militar em larga escala Ulchi Freedom Shield anual no final de agosto.


Os últimos lançamentos na foz do rio Chongchon seguiram-se ao lançamento de dois mísseis balísticos de curto alcance em direção ao Mar do Japão na quarta, demonstrando a capacidade do país de lançar múltiplos tipos de projéteis.


Os membros do ditador Kim Jong-un também fizeram uma segunda tentativa malsucedida de colocar um satélite de reconhecimento militar em órbita em 24 de agosto. Os recentes lançamentos ocorrem enquanto o país se prepara para comemorar o 75º aniversário de sua fundação em 9 de setembro.


As forças militares sul-coreanas informaram no sábado que o Norte lançou vários mísseis de cruzeiro em direção ao Mar Amarelo.


A KCNA também relatou que o líder visitou o Complexo Pukjung Machine e uma importante fábrica de armamentos, embora não esteja claro quando ele fez a visita.


Kim afirmou que o complexo desempenha um papel importante no fortalecimento das forças navais do país. A agência de mídia estatal informou na semana passada que Kim afirmou que a marinha do país se tornaria "um componente da dissuasão nuclear do Estado".

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


© TSJ 2024. Todos os direitos reservados

bottom of page