1650382760548_edited.png

JORNALISMO SIMPLES E DIRETO | O dia a dia do Japão

Radio Mirai (Branco).png
1650382760548.png

1/3

Dados de 130 mil usuários do modelo pago da LINE vazaram na internet até o fim de novembro


JAPÃO - Dados de pagamento de cerca de 130.000 contas de usuários no Japão e no exterior em um aplicativo da Line, o famoso "whatsapp japonês", vazaram na internet por mais de dois meses até o final de novembro, disse a empresa.


A Line Pay disse na segunda-feira que as informações acidentalmente carregadas por sua empresa do grupo, que estavam disponíveis entre 12 de setembro e 24 de novembro, incluíam valores de pagamento, datas e horários durante uma campanha promocional realizada de dezembro de 2020 a abril deste ano, mas não incluía dados como nomes de usuário, endereços ou números de cartão de crédito.


Embora nenhum dano do vazamento de informações tenha sido relatado até agora, pode ter sido possível identificar os usuários por meio de uma análise especial, disse a Line.


A empresa disse que confirmou 11 casos em que as informações foram acessadas externamente e alertou os usuários que eles poderiam receber mensagens suspeitas de possíveis fraudadores.


"Pedimos desculpas profundamente por causar grandes problemas e preocupações", disse a empresa em um comunicado.


O aplicativo permite que os usuários enviem dinheiro uns aos outros, façam compras online ou paguem em lojas e restaurantes.