1/3

Delegação Olímpica do Japão terá 582 atletas


JAPÃO - O número é muito maior do que o recorde anterior de 355 atletas escolhidos para a seleção japonesa nos Jogos Olímpicos de Tóquio em 1964 e 244 a mais do que nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro de 2016.


Hachimura, de 23 anos, e Susaki, de 22, conduzirão a delegação ao Estádio Nacional durante a cerimônia de abertura.


"As Olimpíada é um momento com o qual sonhei por muito tempo. É uma grande honra receber um papel tão importante", disse Hachimura, que joga pelo Washington Wizards na NBA, em um comentário divulgado pelo Comitê Olímpico Japonês.


Susaki, que venceu o campeonato mundial consecutivo em 2017 e 2018, disse que aprecia ser capaz de competir e servir como porta-bandeira do Japão durante estes tempos difíceis da crise de saúde global.


Hachimura, cuja mãe é japonesa e pai beninês, é o primeiro jogador de basquete a ser eleito o porta-bandeira do Japão nas Olimpíadas. Ele se tornou o primeiro jogador japonês a ser escolhido na primeira rodada do draft da NBA em junho de 2019, após estrelar pela Gonzaga University.


O JOC disse na semana passada que o velocista Ryota Yamagata, que detém o recorde nacional japonês nos 100 metros masculinos, será o capitão da delegação.


Ele deve prestar juramento olímpico durante a cerimônia de abertura com a tenista de mesa feminina Kasumi Ishikawa, vice-capitã do time.