1/3

Duas japonesas no pódio na escalada feminina


JAPÃO - As japonesas Miho Nonaka e Akiyo Noguchi levaram a escalada esportiva feminina de prata e bronze, respectivamente, na sexta-feira.


Em uma competição combinada no Parque Esportivo Urbano de Aomi usando os resultados de três modalidades diferentes, boulder, velocidade e escalada, a eslovena Janja Garnbret, campeã mundial de defesa combinada, boulder e líder mundial, levou para casa a primeira medalha de ouro olímpica de escalada esportiva feminina.


Nonaka, que tem sofrido com lesões nos últimos anos, disse que sentiu dores durante a qualificação de quarta-feira, mas terminou em terceiro na velocidade e em boulder e quinto na liderança.


"Na qualificação, mal consegui suportar a dor, mas na final fui capaz de ignorar a dor e pude empregar as minhas técnicas de todo o coração, por isso acho que superei a dor."


Noguchi, a medalha de prata mundial de 2019 tanto no combinado quanto no boulder, foi a quarta em todas as três disciplinas no que ela disse que seria sua competição final.


"Tenho trabalhado muito para ganhar uma medalha olímpica e foi ótimo, embora não tenha ganhado uma medalha de ouro", disse o jogador de 32 anos.


"Eu queria escalar melhor, mas agora, meu principal sentimento é alegria."


A atual campeã mundial de velocidade Aleksandra Miroslaw da Polônia venceu essa disciplina com um recorde mundial de 6,84 segundos. Garnbret foi o quinto na subida de velocidade inicial, mas alcançou o topo de dois dos três problemas de boulders difíceis. Ninguém mais alcançou nem mesmo um.