TSJ MN_edited.png

1/3

Eclipse lunar total será visível no Japão nesta noite de quarta


JAPÃO - Os residentes do Japão poderão ter um vislumbre de um eclipse lunar total na noite de quarta-feira pela primeira vez em quase três anos, tornado ainda mais especial, pois também coincidirá com a última superlua do país.


De acordo com o Observatório Astronômico Nacional do Japão, a sombra da Terra começará a eclipsar a lua às 18h44, com o eclipse total começando a partir das 20h09. Se o tempo permitir, os observadores do céu terão um raro show celestial com duração de cerca 20 minutos.


Um eclipse lunar total ocorre quando a Terra fica entre o sol e a lua, impedindo que os raios do sol atinjam diretamente o satélite natural.


Como a atmosfera da Terra atua como uma lente, a lua não ficará apagada, mas aparecerá em diferentes tons, variando de laranja brilhante a um tom mais escuro, dependendo de condições como a poeira atmosférica.


Quando a lua faz sua aproximação mais próxima, conhecida como perigeu, e isso coincide com um fenômeno onde a Terra, o sol e a lua estão alinhados, uma superlua aparece. Isso faz com que a lua pareça maior quando vista da Terra.


A próxima vez que um eclipse lunar total será visível no Japão será em 8 de novembro de 2022. A última vez que foi observado foi em julho de 2018, mas é a primeira vez desde setembro de 1997 que um eclipse lunar total coincide com uma lua superlua no Japão.