top of page
1665608300863.png

JORNALISMO SIMPLES E DIRETO | O dia a dia do Japão

1665857330426.png
1665857427662.png

1/4
Buscar

Enchente nas Filipinas: Número de mortos atinge a marca dos 50


FILIPINAS - O número de mortos nas inundações que devastaram partes das Filipinas no fim de semana de Natal subiu para 51, e 19 de desaparecidos, informou a agência nacional de resposta a desastres, enquanto os moradores afetados lutam para se reerguer.


Fotos nas redes sociais mostraram moradores no norte de Mindanao, tirando a lama espessa do chão de suas casas. Na aldeia litorânea de Cabol-anonan, coqueiros foram arrancados e cabanas feitas de material leve foram quase achatadas.


A região norte de Mindanao, no sul, sofreu o impacto do desastre, relatando 25 mortes, de acordo com o Conselho Nacional de Redução e Gestão do Risco de Desastres. A maioria das mortes foi por afogamento e deslizamentos de terra, e entre os desaparecidos estavam pescadores cujos barcos viraram.


As inundações diminuíram na maioria das áreas atingidas pelo mau tempo que interrompeu as celebrações de Natal no leste, centro e sul das Filipinas.


Mais de 4500 casas foram danificadas pelas inundações, juntamente com estradas e pontes, e algumas áreas ainda interromperam o fornecimento de energia e água, disse a agência de gerenciamento de desastres.


O governo enviou alimentos e outros itens essenciais para os moradores atingidos pelas inundações, implantou equipamentos pesados para operações de limpeza e forneceu chapas de ferro e kits de reparo de abrigos, disseram autoridades.


Equipes da capital Manila foram enviadas para ajudar as comunidades com água limpa limitada na criação de sistemas de filtragem de água.


Pelo menos 22 cidades e municípios declararam estado de calamidade, informou o conselho de gestão de desastres. A medida permitirá a liberação de fundos de emergência e acelerará os esforços de reabilitação.

bottom of page