1/3

Equipe da OMS visitará a China nesta semana


CHINA - A China disse segunda-feira que um grupo de especialistas da Organização Mundial de Saúde visitará o país no final desta semana em uma tentativa de investigar as origens do novo coronavírus.


O grupo deve chegar à China na quinta-feira e fazer uma viagem à cidade de Wuhan, onde o vírus foi detectado pela primeira vez no final de 2019, com o objetivo de acompanhar a investigação com especialistas chineses.


A OMS deve enviar à China o grupo composto por 10 especialistas, incluindo Ken Maeda, microbiologista veterinário do Instituto Nacional de Doenças Infecciosas do Japão. Eles provavelmente ficarão em quarentena por duas semanas após chegarem à China.


Originalmente, os especialistas planejavam visitar a China no início deste mês, mas o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, disse na semana passada que estava "muito desapontado" por Pequim não ter finalizado as permissões para permitir que o grupo entrasse no país.


A porta-voz do Ministério das Relações Exteriores, Hua Chunying, disse a repórteres que a China não concordou com a OMS sobre o momento da investigação, já que "há uma tendência de ocorrência de casos esporádicos e coletivos relatados localmente" no país.


Em julho do ano passado, a OMS enviou um pequeno grupo de especialistas à China para uma investigação preliminar.