1665608300863.png

JORNALISMO SIMPLES E DIRETO | O dia a dia do Japão

1665857330426.png
1665857427662.png

1/4
Buscar

FTX entra em colapso e pede falência nos tribunais americanos


EUA - A FTX Trading, um importante negócio de troca de ativos criptográficos, entrou em colapso e espera-se que seu passivo total chegue a quase 50 bilhões de dólares.


É relatado que centenas de milhões de dólares em ativos criptográficos podem ter sido retirados ilegalmente após o colapso, e o foco será se a empresa pode preservar e devolver os ativos dos clientes.


Nesta sexta, dia 11, a FTX anunciou que ela e suas aproximadamente 130 empresas do grupo, incluindo sua subsidiária japonesa, pediram falência nos tribunais dos EUA.


De acordo com os registros da empresa junto ao tribunal, o passivo total está estimado entre 10 bilhões e 50 bilhões de dólares, o que faz dela a maior falência de todos os tempos na indústria de ativos criptográficos.


A FTX também anunciou em seu website que tinha mais de um milhão de clientes.


O Wall Street Journal, um jornal econômico americano, informou que aproximadamente 370 milhões em ativos criptográficos podem ter sido retirados ilegalmente após o colapso, e o foco será se a empresa preservou os ativos de seus clientes e pode devolvê-los no futuro.


A FTX também opera operações de câmbio de moeda virtual em todo o mundo, e há preocupações de que transações financeiras complexas possam levar a um colapso da reação em cadeia.