1650382760548_edited.png

JORNALISMO SIMPLES E DIRETO | O dia a dia do Japão

Radio Mirai (Branco).png
1650382760548.png

1/3

Gaku Hoshi escala novas alturas na maratona de Osaka-Biwako


OSAKA - O japonês Gaku Hoshi, de 23 anos, venceu a Maratona de Osaka e a Maratona de Mainichi do Lago Biwa no domingo, conquistando o novo evento no calendário nacional de corrida em sua primeira corrida nessa distância.


Em uma corrida com 300 corredores de elite femininos e masculinos, Hoshi saiu de um grupo de três homens em torno da marca de 38 quilômetros e correu sozinho o resto do caminho para vencer em 02:07,31, um recorde para maratonista de primeira viagem.


"Esta foi a minha primeira maratona e eu não achava que venceria, então é uma surpresa", disse Hoshi.


"É bom demais para ser verdade, mas estou super feliz. Eu sabia que chegaria até as últimas etapas, então fui agressivamente após a marca de 30 km. Correu como planejado", disse ele.


A corrida de 42,195 km começou em frente ao Edifício do Governo da Prefeitura de Osaka em um dia claro e ensolarado e terminou no Osaka Castle Park.


Hoshi permaneceu em um grupo líder de 10 corredores após a última curva, e depois que seu marcapasso abandonou a corrida, a corrida continuou como uma disputa de três homens entre Hoshi, Ichitaka Yamashita e Yuhei Urano.


Yamashita terminou em segundo, 11 segundos atrás de Hoshi, e Urano foi terceiro. Misato Horie venceu a divisão feminina.


Sete corredores, incluindo os três primeiros colocados masculinos, se classificaram para o Grande Campeonato de Maratona do Japão para determinar as eliminatórias para as Olimpíadas de Paris de 2024.


A maratona de elite do Lago Biwa Mainichi, apenas para homens, a mais antiga maratona anual do Japão, com 76 edições até agora, tornou-se parte da Maratona de Osaka com participação em massa a partir deste ano.


A edição de 2022 envolveu apenas atletas de elite, com 20.000 corredores de eventos de massa excluídos devido a preocupações com o coronavírus.