1/3

Grande Prêmio do Japão é cancelado pela segunda vez do calendário da Fórmula 1


JAPÃO - O GP do Japão de Fórmula 1 foi cancelado pelo segundo ano consecutivo devido à pandemia, anunciou a Mobilityland. "Decidimos cancelar a corrida programada para ser realizada no circuito de Suzuka de 8 a 10 de outubro", disse um comunicado no site da empresa.


De acordo com o comunicado, a decisão era inevitável, com as restrições de entrada tornando difícil para as equipes e oficiais estrangeiros entrarem no Japão antes da corrida na província de Mie, no centro do Japão, apesar dos esforços intensos dos organizadores para coordenar com várias agências e autoridades para tornar o evento deste ano possível.


O Japão tem experimentado um surto de infecções e pacientes em estado grave desde meados de julho.


"Foi uma decisão muito dolorosa, frustrante e decepcionante. Estávamos nos preparando para realizar o Grande Prêmio do Japão de F1 pela primeira vez em dois anos, mas não tivemos escolha a não ser cancelá-lo", disse o presidente da Mobilityland, Kaoru Tanaka.


Com o fornecedor de motores Honda deixando a Fórmula 1 após esta temporada, esperava-se que a corrida na pista da empresa tornasse a corrida especial, enquanto havia grandes esperanças de uma grande corrida de Yuki Tsunoda, do Japão, de 21 anos primeiro piloto de F1 em sete anos.


"Foi uma decisão extremamente decepcionante cancelar o GP do Japão, mas a partir deste momento começaremos a nos preparar para o ano que vem", disse Tanaka.