1650382760548_edited.png

JORNALISMO SIMPLES E DIRETO | O dia a dia do Japão

Radio Mirai (Branco).png
1650382760548.png

1/3

Homem de Osaka é preso por tentar bombardear embaixada americana em Tóquio


TÓQUIO - Um estudante de 26 anos foi preso sob a acusação de violar a lei de controle de explosivos depois que foi encontrado em posse do que parecia ser pólvora caseira enquanto estava perto da Embaixada dos EUA em Tóquio no mês passado.


Antes de sua prisão, Shogo Koyama, um estudante universitário de Suita, em Osaka, havia sido citado como dizendo durante o interrogatório voluntário que ele tinha "vindo para jogar (explosivos) na embaixada" depois de aprender a fazer a mistura online, de acordo com fontes investigativas.


Koyama é suspeito de colocar cerca de 160 gramas de pólvora em um copo embrulhado em pano e carregá-lo no bolso enquanto estava na rua em frente à embaixada por volta das 21h do dia 8 de agosto. Ele foi parado por um policial de plantão que o notou agindo de forma suspeita.


O departamento de segurança pública do Departamento de Polícia Metropolitana, que acredita que o suspeito agiu como um "lobo solitário", está investigando seus motivos e como ele chegou a possuir a pólvora.


A polícia vasculhou locais, incluindo a casa do homem na prefeitura de Osaka, no oeste do Japão, e apreendeu os ingredientes necessários para fazer pólvora.