1/3

Homem morre no Japão após receber dose recolhida da vacina da Moderna


JAPÃO - Um homem de 49 anos morreu no Japão no mês passado após receber uma dose da vacina da Moderna, que estava entre os lotes posteriormente retirados do uso por seu distribuidor no país, disse o ministério da saúde na segunda-feira.


A Moderna e a Takeda disseram na última quarta-feira que iriam retirar três lotes da vacina depois que contaminantes de aço inoxidável foram encontrados em alguns frascos.


A dose do homem veio de um dos três lotes que também continham doses usadas em dois homens na casa dos 30 anos que morreram no Japão após receberem sua segunda injeção em agosto, disse o ministério. Nenhum corpo estranho foi confirmado em qualquer um dos frascos.


O homem de 49 anos, alérgico a trigo sarraceno, recebeu sua segunda injeção no dia 11 de agosto e sua morte foi confirmada na manhã do dia seguinte, segundo o ministério.


Ele disse que qualquer relação causal entre sua inoculação e morte permanece desconhecida.


Ao anunciar o recall, Moderna e Takeda disseram: "O aço inoxidável é usado rotineiramente em válvulas cardíacas, substituições de articulações e suturas e grampos de metal. Como tal, não se espera que a injeção das partículas identificadas nesses lotes no Japão resulte em aumento risco médico. "


A causa da morte nos três casos ainda está sendo investigada.