1/3

JAL e ANA voltam a reduzir frota de vôos em virtude da segunda onda de infecções


JAPÃO - A Nippon Airways e Japan Airlines anunciaram que voltarão a reduzir a frota de vôos em virtude do aumento do número de infecções e das recomendações dos governos de não saírem de casa desnecessariamente e também por viagens de negócios.


De acordo com os planos de voos domésticos da ANA anunciados pela companhia aérea, no próximo mês será reduzido o número de voos em uma ampla gama de rotas, incluindo voos de para Haneda, Osaka, Sapporo, etc. Estimando uma redução de 45% da frota de vôos, através de cancelamentos da viagem.

Além disso, de acordo com o plano de voo anunciado pela Japan Airlines, 43% dos voos domésticos serão suspensos ou reduzidos na primeira quinzena do próximo mês. O percentual de redução de voos aumentará 15 pontos ante 28% neste mês. A ANA e a JAL cancelaram e reduziram voos de 70% a 80% dos voos domésticos em maio, quando a emergência foi anunciada, mas à medida que a autocontenção de movimentos for facilitada, o número de voos aumentará gradualmente. No entanto, como o número de pessoas infectadas aumentou em vários locais, a taxa de embarque de voos domésticos permaneceu em torno de 30% durante o Período Obon e as reservas para o mês seguinte foram lentas, então tomamos medidas para reduzir o número de voos novamente. Na segunda metade do próximo mês, os feriados, como "Dia do Respeito pelo Idoso" e "Dia de Akibun", serão eventualmente cancelados, mas cada empresa deseja revisar cuidadosamente as tendências de demanda e continuar a revisar seus planos de voo.