top of page
1665608300863 (1).png
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube

Japão projeta aumento significativo de casos de demência até 2060

O governo japonês divulgou na quarta-feira que cerca de 20% das pessoas com 65 anos ou mais no país sofrerão de demência até 2060, destacando a necessidade de expandir os cuidados de enfermagem e fortalecer as medidas preventivas em meio ao envelhecimento da população.


Isso significa que 1 em cada 5,6 indivíduos nessa faixa etária, um total de 6,45 milhões de pessoas, terão demência até 2060, uma redução em relação aos 8,50 milhões estimados em estudo anterior em 2015, refletindo mudanças no estilo de vida, como dietas melhoradas e o abandono do tabagismo, segundo o ministério da saúde.


O governo pretende finalizar no outono medidas de apoio às pessoas com demência e suas famílias. Uma nova lei entrou em vigor em janeiro para melhorar o suporte às pessoas com essa condição, associada à capacidade cognitiva prejudicada, visando melhorar sua qualidade de vida e promover sua participação social.


Estima-se que cerca de 6,32 milhões de pessoas desenvolverão sintomas precoces de demência até 2060, conhecidos como comprometimento cognitivo leve, segundo o Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar.


É a primeira vez que o ministério faz tal estimativa. O número total de casos deve aumentar para 5,23 milhões até 2030 e para 5,84 milhões até 2040, quando a população de pessoas com 65 anos ou mais no país deve atingir o pico.

Posts recentes

Ver tudo

Comments


© TSJ 2024. Todos os direitos reservados

bottom of page