top of page
1665608300863 (1).png
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube

Organizador do show de DJ Soda fará queixa criminal contra suspeitos que a apalparam em Osaka

OSAKA - O organizador do show, onde a DJ Soda da Coreia do Sul estava realizando, vai entrar com uma queixa criminal contra as pessoas que a apalparam a partir da próxima semana.


A TryHard Japan, empresa responsável pelo evento em Sennan, em Osaka, está considerando fazer uma denúncia, incluindo acusações de assédio sexual, à polícia da província, mesmo antes de os suspeitos terem sido identificados.


DJ Soda, que possui mais de 5 milhões de seguidores no Instagram, recorreu às redes sociais um dia após o evento para repudiar indivíduos não identificados, inclusive uma mulher, que, segundo ela, tocaram e apalparam seus seios quando ela desceu do palco para interagir com os fãs durante o festival de música no domingo.


A artista incluiu fotos em suas postagens que mostravam fãs estendendo as mãos por cima das grades de segurança, aparentemente tocando seus braços e peito. No meio da confusão, ela relatou que uma mulher foi a responsável por apertar seus seios com mais força do que qualquer um dos outros participantes do festival.


A TryHard Japan emitiu um comunicado, declarando sua intenção de tomar medidas legais contra as pessoas envolvidas.


As denúncias de abuso feitas por Soda, que se espalharam pela internet, geraram críticas à aparente negligência do Japão em relação ao assédio sexual, ao mesmo tempo em que provocaram discussões sobre a vestimenta reveladora usada por ela.


Respondendo a alguns usuários que a responsabilizaram por usar roupas sugestivas, DJ Soda disse em uma postagem posterior, no início desta semana, que "independentemente das roupas que eu use, não justifica o fato de eu ser tocada por ninguém".

Posts recentes

Ver tudo

Comments


© TSJ 2024. Todos os direitos reservados

bottom of page