top of page
1665608300863 (1).png
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube

Satoshi Furukawa e equipe internacional de astronautas partem para a Estação Espacial Internacional

EUA - Uma equipe composta por quatro astronautas do Japão, Dinamarca, Rússia e Estados Unidos decolou no início do sábado a bordo de uma nave da SpaceX com destino à Estação Espacial Internacional e entrou com sucesso em órbita.


A missão Crew-7 é composta por Jasmin Moghbeli da NASA, Satoshi Furukawa do Japão, Andreas Mogensen da Dinamarca e Konstantin Borisov da Rússia. Espera-se que ela se acople à EEI no domingo.


Os astronautas participarão de um programa de pesquisa de microgravidade de seis meses. A cápsula espacial SpaceX Dragon, chamada de Endurance, foi lançada no topo do foguete Falcon 9 às 3h27 da manhã, a partir do Kennedy Space Center da NASA na Flórida, um dia após a data inicialmente prevista.


A missão Crew-7 marca a sétima rotação de tripulação da SpaceX desde 2020, quando a empresa transportou pela primeira vez astronautas da NASA para a estação espacial.


Para Furukawa, esta será a sua segunda vez na EEI, após seu voo em 2011 a bordo de uma espaçonave russa Soyuz.


"Para todos no Japão, farei outra viagem à EEI e cumprirei diligentemente o meu trabalho", disse Furukawa da espaçonave após entrar em órbita.


Com 59 anos, Furukawa empata com o recorde de Koichi Wakata por ser o astronauta japonês mais velho a ir ao espaço. Agora com 60 anos, alcançou esse feito em 2022.


Furukawa, que também é médico, expressou o desejo de contribuir para o desenvolvimento de novos medicamentos por meio de experimentos para criar cristais de proteínas de alta qualidade.


Ele também deverá ser o sujeito de um estudo que investigará os efeitos de uma permanência prolongada no espaço em diversos órgãos.

Posts recentes

Ver tudo

Comments


© TSJ 2024. Todos os direitos reservados

bottom of page